Atlético-MG x Palmeiras: onde assistir e horário do jogo da 8ª Brasileirão

Atlético-MG e Palmeiras se enfrentam hoje (28), às 18h30 (de Brasília), no Mineirão, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida terá transmissão ao vivo do Premiere (canal por assinatura).
O Palmeiras está invicto na competição. O time é o vice-líder da competição, com 15 pontos, e vem embalado após vitória sobre o Cerro Porteño pela Copa Libertadores.
O Atlético busca a quarta vitória seguida no Brasileiro. O time mineiro é o quarto colocado, com 13 pontos. No meio de semana, venceu o Athletico pela Libertadores.

O gramado do Mineirão preocupa. O estado do campo foi alvo de críticas dos jogadores do Atlético após a partida pela competição continental.
Atlético-MG x Palmeiras

Local: Mineirão, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Data e horário: 28 de maio de 2023, às 18h30 (de Brasília).

Transmissão: Premiere.

Atlético Mg lança campanha para dar mais valor a marca; entenda

Galo. O apelido é um sinônimo com o Atlético-MG e utilizado na maioria do tempo para se referir ao time, principalmente fora de Minas Gerais. E a partir da última sexta-feira (26), o apelido ganha ainda mais peso.
Através de seu site oficial, o Atlético-MG lançou um novo posicionamento da marca, dando ênfase no apelido mais tradicional do clube na campanha “Galo, uma paixão cada vez mais nacional”.
De acordo com o clube, Galo será utilizado com mais frequência para reforçar a presença nacional do Atlético-MG em busca de mais torcedores.
No vídeo de apresentação da campanha, com várias imagens da Arena MRV, o apelido do clube é utilizado duas vezes, enquanto Atlético-MG não é citado. A única menção mais próxima ao nome oficial acontece quando os torcedores são chamados de atleticanos.

Veja o vídeo de apresentação da marca:

A ação faz parte de um trabalho para a nacionalização da marca. Para isso, o clube contratou o publicitário Nizan Guanaes para gerenciar o projeto que terá duração de seis meses.

No último mês, duas pesquisas sobre o tamanho das torcidas foram publicadas.

No levantamento feito pela Quaest/Itatiaia/CNN, divulgado no dia 10 de abril, o Galo é o dono da quinta maior torcida do Brasil, ao lado do Cruzeiro, com 5% da preferência nacional.

Já na sondagem do instituto AtlasIntel, publicada no dia 25 de abril, o Atlético surge em oitavo, com 4,3%.

Atlético Mg realiza venda milionária

Os 24,95% do Diamond Mall que ainda pertenciam ao Atlético-MG foram vendidos pelo clube ontem (26).

O Fundo de Investimento Pedra Negra, que faz parte do grupo BR-Capital, anunciou que comprou a parcela do empreendimento que ainda pertencia ao Atlético-MG.

O Galo receberá R$ 165 milhões pela venda, com o valor dividido em três parcelas de R$ 55 milhões. A informação é do “GE”.

Agora, o Atlético-MG, que já havia vendido o restante do shopping para a Multiplan, não tem mais nenhuma parte do estabelecimento.

O Atlético tinha 24,95 do Shopping.

Outras partes do Shopping vendida pelo Atlético Mg

A primeira metade do shopping foi vendida pelo Atlético-MG à Multiplan em 2017 e foi usada para iniciar a construção da Arena MRV.

No começo de 2023, as partes voltaram a negociar a venda da outra metade, mas a Multiplan optou por comprar apenas 24,9%. Pela transação, o Atlético-MG recebeu R$ 170 milhões.

Flamengo toma decisão quanto a Allan, do Atlético-MG

A Massa está apreensiva com a negociação envolvendo o jogador Allan. Uma forte disputa envolvendo Flamengo e Atlético-MG se formou. De um lado, o time rubro-negro tenta chegar a um acordo que reduza o valor inicialmente pedido de 9 milhões de euros (cerca de R$ 48 milhões). Por outro lado, o Galo mantém uma postura inflexível, deixando claro que só avançará nas tratativas de acordo com suas condições e exigências.

Na primeira abordagem, o Atlético-MG estabeleceu o valor de 10 milhões de euros (R$ 53 milhões na cotação atual) por 100% dos direitos do jogador. As negociações chegaram ao valor de 9 milhões de euros (pouco mais de R$ 48 milhões), desde que uma parte significativa seja paga à vista, com Allan abrindo mão dos 10% que lhe cabem. Foi nesse momento que o Flamengo cogitou deixar uma porcentagem dos direitos com o Galo.

Essa foi uma alternativa encontrada pelo mengão para gerenciar os gastos nessa negociação, mas a resposta de Belo Horizonte foi imediata: ou paga os 9 milhões de euros ou não há negócio. O Maior de Minas entende que a venda de Allan não é uma urgência e o jogador ainda tem possibilidades de transferência na abertura da janela europeia no próximo mês.

atletico mg galo
Allan chegou no Atlético em 2019 – Foto: Bruno Cantini/ Agência Galo / Atlético

Internamente, há a expectativa por parte do Flamengo de que o Galo aceite negociar o jogador, caso a maior parte do valor seja paga à vista, considerando a situação financeira do clube mineiro. Por sua vez, a conclusão da venda do Diamond Mall nesta semana, no valor de R$ 170 milhões, dá ao Galo um alívio financeiro importante para conduzir as negociações.

O Atlético-MG detém 90% dos direitos econômicos de Allan, enquanto os outros 10% pertencem ao próprio jogador. O Liverpool (Inglaterra) possui 10% de mais-valia em caso de uma futura venda.