Atlético: Permanência de jogador é incerta e Coudet pode perder outra peça

O meia-atacante Pedrinho, de 25 anos, se recupera de uma ruptura completa do músculo e tendão do bíceps femoral da coxa esquerda, que o deixou fora de combate por cerca de três meses. Com contrato até o fim de junho, o jogador tem seu futuro no Atlético-MG incerto.

O presidente do Conselho Deliberativo do clube, Ricardo Guimarães, falou sobre a possibilidade de renovação com o atleta, destacando que a relação custo-benefício ficou alta, já que ele foi pouco aproveitado em função das lesões.

É um jogador de qualidade, que pode ser muito útil ao Atlético. Mas tem que conversar com o outro lado para saber se é possível. Entendo que o Atlético-MG tem interesse na renovação do Pedrinho, mas não sei.

Ricardo Guimarães
pedrinho atlético mg galo
Pedrinho e Rodrigo Caetano em apresentação do atleta no ano passado – Foto: Bruno Sousa / Atlético

Desde que chegou ao Galo, Pedrinho sofreu duas lesões e atuou em apenas 26 jogos, com uma assistência marcada. O staff do atleta está pressionando o Shakhtar Donetsk, clube da Ucrânia que detém seus direitos econômicos, para que haja uma definição rápida sobre o futuro do jogador.

A negociação envolve uma possível extensão do empréstimo ao Atlético-MG por mais 12 meses, com opção de compra ao fim do novo vínculo. O Shakhtar investiu 18 milhões de euros para contratar Pedrinho em junho de 2021 e espera recuperar ao menos parte desse valor com uma possível venda.

Atlético pode dar desconto MILIONÁRIO para Fred em ação contra ex-jogador

fred atlético mg galo

O “caso Fred” é uma das maiores novelas envolvendo futebol e justiça nos últimos anos. O Atlético-MG cobra multa milionária do ex-atacante por ter trocado o clube pelo rival Cruzeiro, no fim de 2017. Depois de mais de cinco anos, as partes estão negociando um acordo para encerrar a situação.

O valor corrigido atualmente está em quase R$ 30 milhões, utilizando os critérios usados pelo Galo na sua ação de cumprimento de sentença. Recentemente, o Tribunal do Trabalho de Minas bloqueou R$ 15 milhões em ativos de Fred a favor do Alvinegro.

O atacante propôs encerrar a situação, mas o Atlético não aceitou e fez uma contraproposta para iniciar uma nova discussão. Na parte do Galo, haveria a aceitação para modificar (e flexibilizar) a forma como os valores foram corrigidos, trocando o índice. O Atlético argumenta que a troca de índice de correção poderia proporcionar uma redução de R$ 4 milhões do pagamento da multa a favor de Fred. O jogador teria de pagar algo na casa de R$ 25 milhões ao ex-clube.

Além disso, o clube não abre mão dos 5% dos honorários de sucumbências, que irão ser pagos pelo ex-atacante aos cinco advogados do Alvinegro na causa.

Enquanto o Atlético e Fred negociam, o próprio ex-artilheiro conversa com a SAF do Cruzeiro para negociar amigavelmente uma dívida que o clube celeste tem com ele, na ordem de R$ 30 milhões.

Atlético volta ao palco do título da Libertadores de 2013; veja números no Horto

atlético mg galo independencia
Foto: Bruno Cantini/CAM

O Atlético-MG volta a jogar em uma “casa especial” pela Libertadores após quatro anos, e a expectativa da torcida é grande. O Galo enfrenta o Alianza Lima nesta quarta-feira (3), às 21h30, no Estádio Independência, palco de grandes jogos do clube e do famoso lema “caiu no Horto, tá morto”, famoso na campanha do título em 2013.

Com uma campanha ruim até agora, o Atlético precisa da vitória para continuar sonhando com a classificação na fase de grupos. O Galo é o lanterna do Grupo G, sem somar pontos, e foi derrotado nas duas primeiras rodadas para o Libertad e Athletico-PR.

O Alvinegro volta a mandar um jogo de Libertadores no Independência depois de quatro anos. Na temporada passada, o Atlético chegou a jogar pela competição no estádio, mas como visitante, quando enfrentou o rival América-MG. Antes, a última partida no Horto havia sido em 2019, contra o Defensor-URU, empate sem gols.

atletico mg galo
Foto: Pedro Souza / Atlético

O Horto é a casa do Galo pela 25ª vez na Libertadores, com um histórico de 18 vitórias, 5 empates e apenas uma derrota. O estádio foi palco da campanha do título da Libertadores em 2013, e a torcida espera que o clima místico do local possa ajudar o time a conquistar a vitória nesta quarta-feira.

Além disso, a escolha pelo Independência se deve à péssima condição do gramado do Mineirão, que foi vetado pela Conmebol. O retorno ao Horto é uma oportunidade para o Atlético recuperar seu estilo de jogo, com passes rápidos e uma atuação ofensiva.

Hulk tem motivos de sobra para acreditar em partida perfeita no Independência

atletico mg galo
Foto: Pedro Souza / Atlético

O Atlético-MG entra em campo nesta quarta-feira (3) pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores. O adversário será o Alianza Lima, e o jogo acontecerá no Estádio Independência, em Belo Horizonte, às 21h30.

O atacante Hulk é a grande aposta do Galo para o confronto. O jogador vem tendo um excelente aproveitamento no estádio, onde já marcou em todos os sete jogos que atuou na temporada 2023, totalizando 10 gols. As duas últimas foram no “doblete” diante do Athletico-PR, pelo Campeonato Brasileiro, no último sábado.

atletico mg galo hulk
Hulk em último treino antes de jogo decisivo da Libertadores – Foto: Pedro Souza / Atlético

O ídolo Alvinegro já é o maior artilheiro da história do Atlético-MG na Libertadores, com 14 gols em três edições. Na atual temporada, o camisa 7 já balançou as redes 16 vezes em 20 partidas, ultrapassando mais da metade da meta que ele próprio estabeleceu para o ano, de 30 gols.

Para o Galo, a vitória contra o Alianza Lima é fundamental para ganhar fôlego no grupo G, após duas derrotas iniciais.

É Libertadores. Queremos conquistar essa vitória. Tenho certeza que a massa estará lotando o Independência. Estaremos focados para conseguir o objetivo

Hulk

Apesar de ter atuado com o tornozelo inchado no último jogo, o atacante é o jogador de linha mais utilizado pelo técnico Eduardo Coudet em 2023, com 1.698 minutos em campo. Sua média é de um gol a cada 106 minutos jogados. Além dos tentos, Hulk tem também três assistências, resultando em uma participação direta a gol a cada 89 minutos em campo.

Hulk no Independência:

  • 21/1 – Atlético 2×1 Caldense (2 gols de Hulk)
  • 8/2 – Atlético 3×0 Democrata-SL (2 gols de Hulk)
  • 13/2 – Cruzeiro 1×1 Atlético (1 gol de Hulk)
  • 18/2 – Atlético 2×1 Patrocinense (1 gol de Hulk)
  • 18/3 – Atlético 1×0 Athletic (1 gol de Hulk)
  • 1/4 – América 2×3 Atlético (1 gol de Hulk)
  • 29/4 – Atlético 2×1 Athletico-PR (2 gols de Hulk)

Atlético-MG x Alianza Lima: onde assistir ao vivo, horário e escalações

atletico mg galo

Atlético-MG e Alianza Lima se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Independência, pela terceira rodada do Grupo G da Copa Libertadores. O jogo vai ser transmitido pela Globo (para MG) e ESPN.

O Galo vai atrás da primeira vitória para deixar a incômoda lanterna do Grupo G da Libertadores. Nas duas primeiras rodadas, o Alvinegro foi derrotado pelo Libertad, no Mineirão, e pelo Athletico-PR, em Curitiba. No sábado passado, o Atlético conseguiu quebrar uma sequência de resultados negativos e venceu o Furacão por 2 a 1, no Independência, pelo Campeonato Brasileiro.

O Alianza Lima lidera a chave com quatro pontos ganhos. O time peruano começou a disputa com um empate diante do Athletico-PR e vitória sobre o Libertad. No fim de semana, o clube não entrou em campo. A última partida foi pelo Apertura Peruano, no dia 23 de abril, contra o Unión Comercio, com vitória do Alianza por 3 a 1.

  • Local: Independência, Belo Horizonte – MG
  • Data e hora: 03 de maio de 2023, às 21h30
  • Árbitro: Andres Matonte (Uruguai)
  • Assistentes: Martin Soppi e Andres Nievas (Uruguai)
  • Árbitro de vídeo: Andres Cunha (Uruguai)
  • Onde assistir: Globo (MG) e ESPN

ATLÉTICO

Provável escalação: Everson; Edenilson, Jemerson (Réver), Bruno Fuchs e Rubens; Otávio, Zaracho e Hyoran; Pavón, Vargas (Patrick) e Hulk. Técnico: Ariel Broggi (Eduardo Coudet suspenso)

Desfalque: Mariano, Paulinho e Eduardo Coudet (suspensos); Alan Kardec, Allan e Igor Rabello (no departamento médico); Guilherme Arana (recuperação física).

Pendurados: ninguém.

ALIANZA LIMA

Provável escalação: Ângelo Campos, Gino Peruzzi, Carlos Zambrano, Garcia, Ricardo Lagos, Josebmir Ballon, Jesus Castillo, Aldair Rodríguez, Andrés Andrade, Brian Reyna, Pablo Sabbag. Técnico: Carlos Bustos

Desfalque: Santiago García, Gabriel Costa e Franco Zanelatto (lesionados).

Pendurados: Castillo.

Atlético vai encontrar ‘velho conhecido’ na Copa do Brasil

O Atlético-MG vai reencontrar um velho conhecido na próxima fase da Copa do Brasil. O Galo vai enfrentar o Corinthians, time que está Roger Guedes, que protagonizou uma “passagem relâmpago” pelo clube mineiro em 2018. Emprestado pelo Palmeiras ao Galo, o atacante oscilou bastante com a camisa preta e branca, em uma trajetória que durou cerca de seis meses.

Campeão brasileiro com o Verdão em 2016, Róger Guedes chamava atenção do futebol nacional no clube paulista. Nesse contexto, foi cedido ao Atlético-MG por empréstimo no início de 2018.

Galo: Após problemas financeiros no Corinthians, empresário fala sobre chance de Róger Guedes voltar ao Atlético

Agora, o atacante veste a camisa do Corinthians. A equipe paulista será rival do alvinegro nas oitavas do principal torneio mata-mata do país.

A passagem por Belo Horizonte foi intensa, com confusões, uma turbulência que quase ocasionou na saída do atacante e momento de grande apreço da torcida do Galo.

Os jogos ainda não tem data confirmada, mas, segundo a CBF, as partidas devem acontecer nas semanas de 17 e 31 de maio.

Atlético tem aliado para jogo da Libertadores; entenda

atlético mg galo libertadores
Divulgação/Conmebol

Nesta quarta-feira (3), o Atlético-MG enfrenta o Alianza, do Peru, em jogo válido pela terceira rodada do Grupo G da Copa Libertadores. A partida será disputada no estádio Independência, onde o Galo tem um histórico positivo na competição continental.

Completando 60 jogos como mandante na Libertadores, o Atlético espera contar com o estádio como aliado para se recuperar na competição após duas derrotas nas rodadas iniciais.

O Maior de Minas tem duas casas quando se trata de Libertadores. Foram 36 partidas como mandante no Mineirão e, diante dos peruanos, o Alvinegro completa 24 confrontos no Independência.

Apesar do Gigante da Pampulha ter recebido 60% dos jogos do Galo na competição, a eficiência atleticana é muito maior no Horto. O percentual de vitórias, empates e derrotas no estádio mostra que o Atlético venceu 74% dos jogos disputados no Independência, contra 53% no Mineirão.