Diretores do Galo serão julgados pelo STJD por cobrança contra a arbitragem; entenda!

Foto: Pedro Souza/Atlético

No último sábado (15), o Galo visitou o Flamengo, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro e foi derrotado por 1 a 0. Entretanto, os problemas do alvinegro vão além do futebol apresentado dentro das quatro linhas. Segundo informações do GE, os dois diretores do Atlético, Rodrigo Caetano e Victor, serão julgados no STJD por cobrança contra arbitragem.

Em suma, a situação em questão envolve bronca dos dirigentes pela não expulsão de Danilo Barcelos em Goiás x Atlético, ainda no primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Durante o duelo, o lateral Guga foi acertado por uma voadora do lateral esmeraldino, e saiu com a barriga machucada e marcada com as chuteiras do adversário.

Departamento de Matemática da UFMG atualiza chances de o Galo disputar a Libertadores 2023; confira!

Galo

Foto: Pedro Souza / Atlético

No último fim de semana, o Galo teve uma grande oportunidade de se aproximar do G-6 do Campeonato Brasileiro e ficar mais próximo da vaga direta para a Copa Libertadores do ano que vem. No entanto, o alvinegro foi derrotado pelo Flamengo por 1 a 0, no Maracanã. Logo, com o revés, as chances do clube mineiro se classificar para a próxima Copa Libertadores caíram.

Galo
Foto: Pedro Souza / Atlético

Quando o time comandado por Cuca, venceu o Santos na Vila Belmiro, a probabilidade era de 33%. Hoje, as chances são de apenas 17%. As informações são do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que considerou as vagas para a competição continental, via Brasileirão, para oito clubes.

O Galo, atualmente, é o sétimo colocado com 47 pontos. O sexto é o Athletico, com 4 pontos a mais. No entanto, se aproximaram nas últimas rodadas, o rival América com 45 pontos e o Fortaleza com 44.

Cuca perde a paciência, aponta culpado do mal momento do Galo e afirma: “Eu não sou de apontar um dedo para um jogador…”

Galo

Foto: Pedro Souza / Atlético

O Galo perdeu para o Flamengo no Maracanã e viu os rivais na luta pela vaga direta na Libertadores vencendo e complicar sua situação na reta final do Campeonato Brasileiro.

Diante disso, após a derrota, Cuca falou sobre mais um tropeço. Questionado sobre os culpados do momento, Cuca afirmou não gostar de apontar o dedo para jogadores e afirmou que a culpa é de todos.

Galo
Foto: Pedro Souza / Atlético

Não é fácil ter uma resposta. Não é fácil. A gente tem um aproveitamento no segundo turno muito ruim e não tem um culpado, somos todos culpados. Eu não sou de apontar um dedo para um jogador até porque não existe esse culpado ou aquele culpado. Somos todos nós, a começar por mim. Ninguém está satisfeito com os resultados ainda que você tenha tido desempenhos bons, os resultados não estão acontecendo.

Cuca

O Galo agora se prepara para enfrentar o Fortaleza, na próxima segunda-feira ás 20h fora de casa. Cuca terá uma semana para preparar a equipe visando o confronto pelo Brasileirão.